segunda-feira, 20 de julho de 2015

E-mails constrangedores


 À medida que:
Vou envelhecendo, vou vendo que não vale a pena, discutir tergiversar sobre filosofias vãs, religião, futebol, política, posto que, não vou ficar muito tempo aqui. Sei que os mais jovens podem fazer escarnecimento, mas não me importo. Aqui não somos mesmo nada. Somos irrelevantes no Universo. Só a Via Láctea tem uma extensão de 1 quintrilhão de quilômetros, levando aproximadamente 100.000 anos-luz para cruzá-la.
Aqui realmente é o palco das ilusões. Que Deus nos valha.
Do amigo de sempre
Oswaldo João Della Betta

Caracas, até que enfim você chegou à conclusão que a vida e tudo aqui são ilusões, se tudo não for uma traição por termos nascido kkkkkkkkkkk. Quer dizer, se fomos traídos por aqueles responsáveis por termos nascido kkkkkkkkkkkkkk. Saiba que por aqui nada tem importância e nada se sustenta e "ELE" é o nome da ausência que pensam ser presença kkkkkkkkkkkk. Quanto mais velhos ficamos mais tudo vai ficando sem graça kkkkkkk.
Altino Olimpio

Comentário de uma amiga
Nossa Altino! Incrível sua capacidade de entender tudo errado! Eu acho a vida uma maravilha, valeu cada momento que vivi e vivo agora, agradeço a Deus tudo o que vivi naqueles bons tempos donde nasci, os bons e até os maus momentos porque eles me fizeram uma pessoa melhor. Detesto tudo aquilo que leva uma pessoa pra baixo que a faz sentir-se um nada.   
Abraços

Só rindo mesmo, amiga. A resposta seria só para o amigo que me enviou o e-mail, mas, para “encher o saco” de outros também, decidi enviá-la para vários de meus contatos.
A amiga acha a vida uma maravilha. Mas, depende da situação de cada um. Para aqueles que estão sob o regime do temível e terrível Estado Islâmico a vida também é maravilhosa? A VIDA de fato pode ser maravilhosa, mas não é a mesma coisa o VIVER. Sempre prefiro exemplos práticos e atuais. Hoje à tarde, 13/7/2015, no supermercado me encontrei com o Senhor Toninho. Claro que ele não me reconheceu porque logo foi dizendo: Perdi a vista. Eu lhe disse: Estou vendo, é à esquerda. Não, já perdi as duas. Veja meu braço. Nossa, o que é isso? Hemodiálise. Sim, uma vez por semana? Não, é um dia sim, um dia não. Não saio mais de casa, estou aqui com minha neta. O Senhor Toninho era pai de um rapaz que namorou uma de minhas filhas e o rapaz bem jovem ainda, morreu num desastre de carro lá na cidade de Brotas deixando uma filha com poucos meses de vida. Eles são parentes daquele Daniel cantor. Parece-me que para o Senhor Toninho a vida não está sendo maravilhosa. Milhares de exemplos (de pessoas que sofrem e são muitas) existem para comprovar que a vida, como já disseram, é “um tiro no escuro”. Ao nascer de um ser humano nunca se sabe o que lhe pode acontecer. Houve filósofos do passado que disseram: “Chega, pare de se reproduzir, já que não
conseguiu evitar nascer, interrompa o nascer de outros seres a partir de ti”. Para as pessoas comuns este parecer dos filósofos é loucura. O que tais filósofos queriam dizer com isso? É hoje ninguém gosta de pensar, meditar... Reflexão não é pra qualquer um. Os tempos são outros e hoje ninguém tem tempo. Tem países onde o povo está a sofrer privações, falta de liberdade e etc. Para tal povo o VIVER dele não é maravilhoso mesmo a VIDA sendo maravilhosa, no dizer de muitos. Quando uma pessoa pra mim se diz ser muito feliz me pergunto se é possível ser feliz diante de tanta infelicidade alheia, tanta tragédia, tanta matança, tanta pobreza, tanta crueldade, tanta falsidade, tanta hipocrisia... Agora, voltando aquele e-mail intitulado “PARA ALTINO” que você diz que entendi tudo errado (risos), nele estão algumas poucas considerações sobre o universo. Está também implícito uma comparação do universo com o ser humano, daí minha resposta brincalhona ao amigo que me enviou o e-mail e tal resposta, enviei também para vários contatos meus. No dizer dele, do e-mail, a atenção deve ser voltada para a autoimpostância humana que nada é e nem existe para o universo. Autoimportância... Como são desagradáveis aqueles que a possuem. Eu sou, eu tenho, eu fui, eu sei, em minha opinião, vou conseguir... Terminando... Como você, amiga, está aqui anônima, vou enviar estes escritos para todos aqueles contatos, que como você, também eles receberam aquele e-mail causador desta nossa conversa de segunda-feira sem ter o que fazer (risos). Abaixo te envio outro e-mail de outra amiga, aqui anônima também, recebido por mim enquanto te escrevia e também é sobre o assunto em questão. 
Abraços de
Altino

Geeenteeeeee
Que desânimo é esse??? Estão todos desiludidos, é??? kkkkkll
E você tinha que culpar Deus, né??? Como NADA aqui tem importância??? Pode não ter pra você (e eu não duvido disso, aliás, tenho certeza). Talvez porque nós damos importância ao que NÃO DEVEMOS dar importância, ao que talvez não mereça nossa importância. Mas, tudo, tudo mesmo é importante e te digo que ELE não é ausência, ELE é PRESENÇA e você não deveria falar assim, principalmente porque recebeste DELE o milagre de sobreviver a momentos tão difíceis... Você não devia falar assim quando recebeu tantas manifestações de carinho e amizade (talvez não de quem gostaria de ter recebido) mas a vida é assim mesmo e você sabe disso. Ah homem! Para vai! Tudo bem que a vida às vezes é chata... Tudo bem já que estamos velhos... Mas não estamos mortos.
Não gostei nenhum pouquinho...
Abraços

Sabe-se lá se a vida é maravilhosa ou não, mas, o viver pode mesmo ser engraçado. E ainda estou rindo deste último e-mail recebido. Com essa amiga as brigas são constantes porque somos conflitantes. Não acredito no que ela acredita e ela acredita que eu não acredito em nada (risos). Claro que não acredito em nada, nada não existe.

                                                                                                                            Altino Olimpio